[A-nation 2016] AYU EM DUAS DATAS!

     

Como esperado, Ayumi Hamasaki se apresentará no A-NATION desse ano em duas modalidades diferentes, o island e o stadium fes.  O island começou dia 29 de julho, e  amanhã prossegue com o segmento FEVER a-nation pela SANKYO,  co-patrocinadora do evento. No FEVER, Ayu abrirá o concerto! Sim, nossa Imperatriz desta vez não fechará o show de verão, como era de costume! 

O concerto será realizado no estádio Yoyogi National Gymnasium em Tokyo, lugar já consagrado pela cantora. Koda Kumi, Ami Suzuki, hitomi, AAA, TRF, and Do As Infinity também contam na lista de artistas do dia.

Além disso, uma outra novidade. No local  as máquinas de Pachinko estarão disponíveis,  um entretenimento e jogo de azar  que se assemelham a um cruzamento entre pinball e slot machine.




27 e 28 de agosto ocorre a modalidade stadium fes., sendo que no segundo dia Ayu se apresentará. Não há informação da setlist da mesma.


Os goods de Ayu para o A-nation estarão à venda apenas no local, e na loja mu-mo a partir do dia 19 de agosto.

LEQUE ¥600  (R$)



TOALHA ESPORTIVA  ROSA E AZUL ¥2,500 (R$ 79,57) cada.


TOALHA DE PRAIA ¥ 4,800(R$ 152,77)


CAMISETAS (S / M / L / XL) ¥3,800 (R$ 120,94) cada.

TUBANTE ROSA ¥1,500(R$ 47,74 )
venda apenas na data do stadium fes.




[crédito: Aderianu@AHS,
 KuuXAyu-fan@AHS]


25 músicas esquecidas de Ayu!

    

       São 17 álbuns, 5 mini-álbuns e 53 singles em 18 anos de carreira, e com certeza, alguns trabalhos caem no esquecimento da galera, não é verdade? Algo normal de acontecer, afinal são mais de 200 músicas gravadas! Nossa Imperatriz está sempre trabalhando, todo ano mil projetos e muito conteúdo para absorver que, por vezes, não chega a ser memorável. Pois bem, junto com 5 colaboradores do blog, selecionamos 25 músicas que provavelmente não se lembrava da existência e/ou quase não ouve! Há também aquelas que jamais ou raramente são promovidas por Ayu.


1 -  FRIEND II 


A Song for XX foi um sucesso para um debute de artista solo, goza de uma esfera intrínseca, e pode se dizer, o trabalho mais sincero da cantora. Com essa obra, Ayu mostrou o quão excelente letrista era e que veio a se tornar melhor a cada ano. Os singles do álbum se tornaram épicos mas algumas faixas não tiveram tanta sorte assim. 

A faixa FRIEND II, é, podemos dizer, uma continuação da canção FRIEND, também presente no mesmo álbum. Letra intima, assim como o álbum em si, o episódio 2 estende e finaliza o sentimento retratado no episódio 1. Com certeza, poucas pessoas a tem em sua playlist.

Nunca chegou a ser cantada ao vivo. 



2 - Wishing

A faixa de número 07 presente no primeiro álbum, é uma balada bem anos 90 do Japão, com letra amorosa mas que muitos não são fãs da mesma.

Nunca performada.




3 - Present


Canção final do álbum debute, Present é a cara de encerramento de concerto, mas nada que te leve a sonhar. Uma musica de agradecimento ao ouvinte, que poderia substituir as que geralmente finalizam os shows como MY ALL e Who...

Performada em umas das datas do ARENA TOUR 2009 ~NEXT LEVEL~.


4 -  P.S II

Outra continuação que não deu certo.

POWDER SNOW de ASFXX é umas das baladas mais aclamadas pelos fãs que infelizmente recebeu uma continuação no segundo álbum LOVEppears, vindo a cair no esquecimento.

O segundo álbum lançado no mesmo ano do primeiro, foi outro sucesso em vendas, mais da metade  das músicas dele é lembrada e recorrente nos concertos. O que dizer do single Boys & Girls que se tornou hino da cantora?

P.S.II traz um exótico rockish contrastante e feelin' de nostalgia com os refrões de P.S embutido nele. Nunca performada.

5 - girlish

O terceiro álbum Duty ultrapassou a marca de 4 milhões de cópias físicas vendidas, sendo o que mais vendeu em toda sua carreira, com uma sonoridade muito mais madura que as anteriores, se ramificando entre o dance-pop e rockish e letras melancólicas que abordam os problemas psicológicos que a cantora passava diante de seu sucesso inesperado do momento. É também um dos favoritos dos fãs de longa data.

Com tudo, a ultima faixa, girlish é pouca tocada na playlist dos fãs. 
Melodia que envolve o trabalho da banda toda, letra minimalista com tema diversão, torna-se uma ótima opção para encerrar lives.

Performada no countdown live 2000-2001

6 -  Flower Garden

O quarto álbum I am... é outro trabalho que fez sucesso nas vendas e querido por muitos, trazendo as primeiras melodias feitas pela própria Ayu. Exemplos bons são os hinos Evolution, M' e Dearest, que provaram que a cantora também tinha talento para compôr melodias. Infelizmente a faixa secreta flower garden não teve essa sorte. Não que seja descartável, apenas se torna uma canção que você escutará com pouca frequência. Um rockish de banda inusual com letra simples e tema diversão.

Sabe aquelas músicas que funcionam apenas ao vivo? A faixa secreta é um protótipo disso. Geralmente cantada na seção encore do shows, é boa para interagir com a platéia, mas nenhuma performance chegou a fazer história.


7 -  dolls

Música do quinto álbum RAINBOW, dolls foi tema do filme que recebe o mesmo nome, sendo promovida durante o LIMITED TA LIVE TOUR 2003. RAINBOW foi mais outra obra que trouxe a cantora como compositora musical. 8 de 16 é o número de composições por Ayu e dolls é uma delas.  

A seleção de Dolls foi difícil de todo o RAINBOW, aliás é um dos álbuns preferidos dos fãs; ultrapassou a marca de 2 milhões de cópias na época, contendo uma quantidade enorme de músicas memoráveis.

Dolls de tema mundano, não é uma musica ruim. Concluiu-se na votação que pouca se tornou escutável. 
8 -  Liar

Autobiográfico, o sexto álbum MY STORY não trouxe temas usuais nos projetos anteriores como esperança. Diversificado e bem dividido em gênero musical, veio com uma atmosfera pesada e intima. 

Sobre a canção Liar não tenho muito o que falar. Descartável, pois ao meu ver fora criada para encher o álbum. Letra fraca, melodia lamentável. Mas quem sabe se for performada alguma dia, não mude de ideia? Por hora, escutá-la isoladamente do resto do seu berço não me emotiva.

Nunca performada ao vivo.



9 - criminal

criminal entra para essa lista por ser pouca escutada, já que, pertencente ao (miss)understood, o sétimo álbum também está cheio de obras musicais!

criminal tem o mesmo clima de Pride, mas esta ofusca seu potencial. 

Nunca performada ao vivo.


10 - It was

Situação igual a criminal.

Pertencente ao oitavo álbum, Secret é um trabalho bem delicado que acarreta canções tocantes.

Nunca performada ao vivo.



11 - untitled ~for her~

Do album GUILTY que marcou o 10º aniversário de Ayu, untitled ~for her~ é uma balada que foi emocionante durante o COUNTDOWN LIVE 2007-2008. Ayu escrevera pela perda de uma amiga querida na época e ao ser cantada ao vivo, chegou a chorar. Fora isso, escutá-la isoladamente, fragmentada e versão de estúdio não chega a tanto.

12 - identity

identity  participa do projeto que marcou uma nova era para ayu, o NEXT LEVEL. Trouxe um estilo techno pop ousado que estava em voga no ocidente. Porém, a canção, assim como outras do mesmo álbum, caem facilmente no esquecimento por trazer composições tão inusitadas que se tornam muito estranhas de se apreciar. A partir desse décimo álbum, os lançamentos começaram a vender menos de 500 mil cópias.

Performada no ARENA TOUR 2009 ~NEXT LEVEL~.


13 - meaning of Love

Do décimo primeiro álbum Rock 'n' Roll Circus, a canção é uma balada enjoativa de ouvir, um dos motivos para entrar na lista.
Se enjoa, você perde o interesse, e assim, a taxa de esquecimento é alta.

Nunca performada ao vivo.
14 - last links

Letra de tema mundano ao som do violão, encontrada no decimo primeiro álbum Rock 'n' Roll Circus não traz emoção, por isso difícil amá-la.

Performada em umas das datas do ARENA TOUR 2010 ~Rock 'n' Roll Circus~.




15 - Sending Mail

Ah... sem emoção também. Contudo, devo admitir que tem uma melodia intrigante.

Presente no decimo segundo álbum Love songs.
Performada no COUNTDOWN LIVE 2011-2012 ~HOTEL Love songs~


16 -  Like a doll

Outra melodia intrigante, aliás, Love songs teve seus altos e baixos. É lembrado pelo seu estilo retrô por usufruir de técnicas musicais dos anos 80 em quesito de composição de melodia que, ao escutar pela primeira vez o álbum na integra, a possibilidade de você pôr em repeat é alta, porém com o tempo, vai descartando algumas na sua playlist, como Like a doll e Sending Mail.

Nunca performada.


17 - Thank U


Mais uma música de encerramento para show.
Até que toca nosso kokoro com a sonoridade e letra de poucas falas, mas depois dá náuseas ao ponto de excluí-la da estação de música.

Pertencente ao decimo segundo álbum Love songs.






18 -  ANother Song


Segundo Feat. com Urata Naoya, presente no segundo mini-album, FIVE. Essa música saiu muito do "jeito de ser" de Ayu, deve ser por isso que está aqui.

Performada em POWER of MUSIC 2011.


19-  Beloved


Assim como a canção "progress" que fala sobre o terremoto de 2011 no Japão, o ouvinte poderá se conectar ao sentimento da época, por além disso, a balada nada de mais nos traz. Presente no FIVE.

Performada no POWER of MUSIC 2011 e LIMITED TA LIVE TOUR 2015.

20 - Letter

Party queen se tornou o primeiro álbum de desabafo de romance mal sucedido, o que não agradou muitos aos fãs. E assim, carrega um atmosfera bem pesada e mais diferente possível, gozando de estilos musicais trabalhados na Broadway. Letter é um rock underground leve que não colou... Lembra muito Last Links.

Performada em uma das datas do ARENA TOUR 2012 ~HOTEL Love songs~.



21 - Bye bye darling

LOVE again foi rotulada como Love songs 2.0 que não animou muito. Letra direta assim com o titulo deduz, um adeus a alguém. Divide o mesmo clima de aflição de snowy kiss, aliás, desnecessária a composição de Bye bye darling comparando a equivalência e forte que snowy kiss carrega.

Nunca performada.

22 - Gloria

Uma balada até delicada, mas passa por despercebida no álbum LOVE again.
Nunca performada.



23 - Pray


Música tema do filme de animação BUDHAH 2 em 2014, Pray é mais uma balada ao toque oriental que na verdade a maioria dos fãs gostam mas Ayu fez questão de não promover na época, sem falar que faz parte do álbum EDM da cantora, o Colours, e assim, junto com a canção Hello new me, se tornam as faixas "flopadas" do álbum.

Veio a cantar em umas datas do LIMITED TA LIVE TOUR 2015, no entanto deixou de fora para o dia da gravação do concerto.


24 - NO FUTURE

Sem futuro para essa. 

Presente no décimo sexto álbum A ONE, o trabalho que resgata a essência de Ayu. A ONE foi bem recebida por parte dos fãs e mídia japonesa após 4 anos de marés elevadas ao extremo.

Nunca performada.


25 - Sky high



Uma frescor sem muito destaque, que aparenta uma abertura de anime desatualizada ao toque de verão. 

Presente no quinto album, sixxxxxx.




----------------
EXTRA: BSIDES

Infelizmente esses "B Sides" vigorosos não tiveram seu reconhecimento merecido.

LOVE ~since 1999~ > single LOVE ~destiny~


Two of us >single Depend on you

Tradução
Video

teens > single Startin'/Born to Be...

Life > single Mirrorcle World


OBS: O último álbum, M(A)DE IN JAPAN não entra por ser muito recente.
-----------------------
E aí, você concorda com a matéria?

[Vale lembrar que aqui se encontra uma matéria produzida a partir de uma ideia particular! 
Por mais que eu tenha chamado outros a participarem da pesquisa não significa que todos concordam com o que fora escrito aqui.]



Matéria por  RajmaTenshi,
Agradecimento à  NanaAino@ayutube, 
Juliano@AHBR, Jessfreitas@AHBR e Gabriel Silva

[MADE IN JAPAN] Capas reveladas!

O site oficial de Ayu revelou ontem as 5 capas do 18º album, M(A)DE IN JAPAN, com data de lançamento prevista para o dia 29 de Junho de 2016.


CD+Bluray
CD only


CD+DVD

CD+2DVD (versão Teamayu limitda )

CD+Bluray (versão Teamayu limitda )


Tracklist Disco-1[CD]

01.tasky
02.FLOWER
03.Mad World
04.Breakdown
05.Survivor
06.You are the only one
07.TODAY
08.Mr.Darling
09.Summer Love
Bonus Track
10.Many Classic Moments


Tracklist DVD / Blu-Ray

◆ FLOWER (video clip)
◆ Mad World (video clip)
◆ Winter diary(vídeo clip)
◆ FLOWER ( making of )
◆ Mad World ( making of )
◆ Winter diary ( making of )


Pré-vendas: 
CDJapan - CD only | CD+DVD | CD+Blu-ray
YesAsia - CD only | CD+DVD | CD+Blu-ray

Imagem enviada por fã vira notícia!

Virou notícia a imagem de Ayumi enviada por um fã. A cantora sempre agradece as imagens enviadas pelos fãs dizendo via Twitter "obrigada a todos pelas imagens encantadoras que também podem ser usadas como ícone e capas." 

E no dia 17, postou uma delas mesclando sua foto com um padrão japonês, foto esta que se tornou seu ícone no Twitter. Além disso, revelou que foi enviada por um fã: "achei [a foto] tão linda que decidi usar por um tempo. A propósito, foi um fã taiwanês que mandou pra mim." E mostrando-se ao mesmo tempo grata pelas imagens repletas de sentimento e admirada com sua qualidade, adicionou "tiro o chapéu para tanta sensibilidade". 

A imagem causou uma série de comentários, como "pensei que fosse a capa [do novo álbum], mas foi feita por um fã, né?", "tem qualidade pra usar como capa!", "se usar como capa, eu compro", "espero que se torne a capa", "achei que era criação da sua equipe, mas foi um fã, né?" e "os fãs de Taiwan que não podem ir até você estão te enchendo de amor".


Crédito: Yahoo.jp

Adaptação por: JP Hamasaki

Turnê "Made in Japan" começa e cativa público com espetáculo luxuoso.





     Nos dias 14 (sábado) e 15 (domingo) de Abril, teve início a turnê nacional "ARENA TOUR 2016 A ~ MADE IN JAPAN ~" no Nihon Gaishi Hall, na cidade de Nagoya. Logo no começo, o grande público foi à loucura com AYU, que apareceu de quimono. Trata-se da 17ª turnê da cantora desde sua estreia, da qual é a primeira em que o público pôde tirar fotos. Foi grande o número de pessoas com celulares na mão dentre os espectadores, que tiveram permissão para fotografar até a terceira música a partir da abertura.

     Ayumi cantou sete músicas do novo álbum M(A)DE IN JAPAN, que foi assunto na mídia por ser o primeiro previamente disponibilizado através do serviço de distribuição de música AWA. Além disso, a farta presença de elementos japoneses durante todo o show, como na performance do hit 'Evolution', que contém novo arranjo usando taikô (tambor japonês), cativou o público. A performance executada pelos 16 membros da equipe (que realizaram vôos e acrobacias), foi comparada favoravelmente a Las Vegas

    A avaliação dos shows de Ayumi enquanto espetáculo de entretenimento, ao invés de simples concertos, é alta. Mas desta vez trata-se de algo ainda superior. Certamente haverá experimentações que tentarão impressionar o público. 17 mil pessoas estiveram presentes nestes dois primeiros dias em Nagoya, e a intenção até a última performance em Osaka (em 18 de julho) é atrair cerca de 120 mil.

Informações adicionais: 

*Álbum M(A)DE IN JAPAN à venda em 29 de junho 
*Site oficial da turnê: http://www.madeinjapan-ayu.jp 
*Site oficial de Ayumi: http://avex.jp/ayu/

Crédito: Yahoo.jp 

Adaptação por: JP Hamasaki

Ayumi busca inovações através do novo álbum "M(A)DE IN JAPAN"


Ayumi anunciou o fim da proibição das fotos de fãs durante os shows. Durante a turnê "MADE IN JAPAN", prevista para ter 17 performances entre 14 de maio e 18 de Julho deste ano, serão permitidas fotos com celular da abertura até a terceira música da setlist.

Observação: os fãs poderão tirar fotos somente até a terceira música. Filmagens são totalmente proibidas. 

Com a hashtag "#ayumij", as fotos serão postadas no site criado especialmente para a turnê http://www.madeinjapan-ayu.jp, onde também haverá fotos de Ayumi com fãs de cada cidade visitada. 

E mais: será produzido um making of especial seguindo os passos da preparação da "M(A)DE IN JAPAN", bem como um blog de duração limitada, no ar apenas durante a turnê. 


No exterior, muitos artistas permitem fotos durante os shows, mas a proibição ainda existe no Japão. Para a própria Ayumi, a ideia é um grande desafio, e pode sinalizar uma nova direção para futuros shows em território japonês. O novo álbum "M(A)DE IN JAPAN" a ser lançado a pouco mais de um mês, em 29 de junho, já está disponível através do serviço de distribuição de música AWA, e já é escutado quase 300 mil vezes ao dia desde sua disponibilização, dominando o top do AWA. 

Crédito: Banks.jp
Adaptação por: JP Hamasaki

Ayumi lembra das dificuldades para lançar seu primeiro A BEST

Ayumi deu uma entrevista para a edição de Junho da revista Numéro TOKYO, a ser lançada no dia 27. A cantora, que recentemente lançou uma versão remasterizada de seu campeão de vendas A BEST, refletiu sobre "o medo que sentiu" e "a pequena rebeldia" da época. 

Considerando a coletânea como um apoio diante de tudo que ocorria à sua volta, revelou que hoje se tornou uma "adulta" que é capaz de compreender e perdoar mais coisas, mas que "na época, cantar estas músicas no palco era muito difícil". Disse que "sentia medo", e que tão logo terminava de cantar, queria ficar reclusa. "Se bobear, pensaria em fugir de tudo. Acho que a resistência ao medo era uma defesa". Como consequência, "queria não aparecer nos PVs e usar um desenho na capa em lugar de uma foto. Aquilo foi uma pequena resistência e tenho a impressão de que foi uma defesa para não me ferir". 

Hoje, a 'artista Ayumi Hamasaki' exibe um postura determinada e diz "agora tenho segurança e não me preocupo, pois já compreendo o que é mais importante". Além disso, a cantora também fala sobre os 18 anos de carreira e apresenta os segredos de sua beleza, imutável desde a época da estreia. 

Crédito: modelpress

Adaptação por: JP Hamasaki

[MADE IN JAPAN] Letras e Tradução!

Já estão disponíveis letras e traduções ~não oficiais~ de M(A)DE IN JAPAN!

LETRAS: aqui
TRADUÇÃO: aqui


[MADE IN JAPAN] - Novo álbum conta com dois vídeos inéditos


Agora sabemos que o álbum M(A)DE IN JAPAN, que será lançado no dia 29 de Junho, contará com os clipes das músicas FLOWER, Mad World e Winter Day , vídeo gravado com o dançarino Shu-Ya e liberado no final do ano passado, na China.



Um ponto polêmico sobre este novo lançamento diz respeito à versão que será comercializada com a turnê TA LIMITED, pois será disponibilizada somente para o fã-clube.

Crédito: Sero@facebook

[MADE IN JAPAN] Relatório!

Para o dia 15/05 não ocorreu nenhuma alteração dentro da setlist, mas hoje trouxemos aqui um relatório completo do show da Ayu feito por um fã que esteve presente na Arena no segundo dia.



01. Tasky

O concerto começou usando a mesma tela que foi colocada para o CDL, mas um pouco mais elaborada. Tasky funcionou muito bem para a introdução e entrega uma boa introdução sonora sobre como o show deve ser interpretado.



02. GREEN

As cortinas foram levantadas e Ayu com toda a equipe estavam no topo de uma enorme escadaria no meio do palco principal. Estava vestindo um quimono branco estranho e a canção foi executada da mesma forma que no CDL. Enquanto a música avançava, Ayumi descia as escadas. Acho que só usaram a mesma produção do CDL para esta vez, também. A voz estava muito boa na música, e enquanto chegava ao fim, uma liteira decorada com muitas flores surgiu na parte de trás. A música terminou e eles diminuíram as luzes novamente.






03. FLOWER

Quando a música começou, Ayu já estava cantando na liteira e permaneceu nela até o primeiro refrão. Na segunda parte, os dançarinos levantaram o objeto e o carregaram com Ayu para o centro do palco. Dois dançarinos vestidos como leão chinês apareceram durante a execução. Sua voz durante a canção estava normal e conseguia cantar bem os versos, mas dava muitos gritos no refrão.

Quando a música terminou, as luzes foram apagadas.




04. WARNING

Durante a introdução, os efeitos das luzes eram os mesmos do CDL, no entanto, quando Ayu começou a cantar, fotos do single "TELL  ALL" surgiram na tela. Ayu removeu, então, o quimono branco. A música teve o mesmo arranjo e coreografia.

Seguiu-se, assim, para o fim do ato "Primavera".

A introdução da banda começou. Depois disso, uma enorme cortina branca fechou o palco principal. Começaram a projetar cenas de chuva e em seguida, vários artistas apareceram com guarda-chuvas e dançaram. A tela estava escura e em seguida, a música seguinte começou.

XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX

------No fim da primeira parte começa a ser proibido o uso de celulares para fotografar

XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX


05. rainy day

A chuva começou a descer como projetado na cortina branca e Ayu apareceu no centro do palco. Tenho 100% de certeza de que estava com o vestido usado na performance de HANABI do a-nation de 2004 (que também reutilizou várias vezes). Seu cabelo estava sem extensores nesta performance. 

Ela soou bem aqui, a música terminou e as projeções sobre a cortina branca também mudaram para um céu estrelado.

06. MOON

Quando a música começou, uma lua refletida no mar foi projetada na cortina, mas ainda tinha o mesmo arranjo e vocais agradáveis. Quando a música terminou, a cortina branca foi aberta, porém ainda havia uma cortina transparente, que foi deixada. Começaram a projetar algumas cenas subaquáticas e dois artistas fizeram acrobacias na parte de trás, como se estivessem nadando para cima e para baixo. O efeito foi incrível e acho que esta parte é realmente genial. 

Então, quando o ato terminou, a cortina foi aberta e a enorme escadaria da primeira parte foi retirada. Passaram a mostrar cenas de deserto na tela principal. Dançarinos apareceram e começaram a dançar para um EDM / RnB / tipo hip-hop.

Em seguida, a introdução de INSPIRE começou. Eu realmente gostei muito desta parte.

07. INSPIRE

Mais dançarinos apareceram no palco durante a introdução até Ayu subir um pouco antes de cantar o verso.  E pessoal, Ayu fez um retorno com seu penteado de 2003-2004. Estava exatamente como em 2003 LOL. Estava com um top e uma calça brilhante, e seus cabelos eram vívidos lol (Não sei como explicar isso, mas foram amarrados em ambos os lados, alongados e enrolados.).

O mesmo arranjo e bons vocais, também. 

Enquanto a música avançava, todos foram para o centro do palco e voltaram ao palco principal até o fim. Depois disso, Timmy começou a bater palmas e o público levantou. Assim, começou a introdução de You & Me.

08. You & Me ~ Lelio ~ XOXO ~ glitter

Ayu surpreendeu ao aparecer no palco numa bicicleta brilhante e dando voltas pelo centro do palco. Em seguida, os dançarinos também apareceram de bicicleta e rodeando-a durante todo o desempenho. Esta parte é bastante curta, mas definitivamente divertida.  E ao encerrar, eles diminuíram as luzes.

Uma pessoa apareceu no centro do palco e começou a dançar uma música muito sombria. Mais dançarinos apareceram e dançaram até chegar ao palco principal. Quando terminou, o primeiro artista gritou. Em seguida, começou a introdução de BRILLANTE. 

Timmy estava cantando e logo em seguida surgiu um círculo vermelho na tela principal, que foi crescendo gradativamente.

09. BRILLANTE

Ayu subiu no palco sobre uma esfera metálica com outros dois acrobatas. Suas mãos estavam amarradas no topo. O metal pendurado foi para cima e para baixo durante o desempenho. Ela estava usando um vestido com laço e sua voz era ótima.
O círculo vermelho que apareceu quando a música começou ficou gigante e tornou-se algo parecido com lava ou explosão, e então a música terminou.

10. Mad World

Ayu voltou para o palco, mas a esfera de metal não estava mais lá. Definitivamente, foi uma apresentação espetacular. A voz dela era boa no verso e estava meio gritada no refrão, mas era por estar emocionada. Eu estava segurando as lágrimas no desempenho, também. Quando a música terminou, um dançarino colocou a mão cobrindo sua boca. Muito simbólico.

11. Endless Sorrow

Esta é a parte em que Ayu faz acrobacias. 

Quando a música começou, dois artistas aparecem no palco. Um deles retirou a mão de Ayu de sua boca como se ela estivesse sendo libertada. Já o outro estava fazendo acrobacias enquanto estava suspenso. 

Durante a parte instrumental, Ayu colocou os braços ao redor do pescoço de um dos artistas e eles subiram. Parecia incrível e assustador lol.

12. Ever Free (foi usada de interlúdio)

Os dançarinos fazem uma produção com sombras aqui.

Depois disso, começam a mostrar na tela algo parecido com edifícios futuristas. A introdução para Survivor.

Adicional sobre Ever Free (adicionado através de outra fonte)

Ever Free tinha algumas fotos de sombras se movendo. Uma mãe e sua filha ainda pequena depositando flores em uma sepultura. A menina cresce, enquanto a mãe se torna mais velha. Elas discutem e a filha deixa a casa. A filha se apaixona e logo depois se casa e tem um filho. Ela e sua família são vistos juntos e felizes. A mãe idosa é vista cambaleando na parte de trás. Ela quer colocar flores sobre o túmulo, mas cai inconsciente antes disso. Flores caem. A filha pega as flores e as entrega a sua mãe, que coloca as flores na sepultura. Mas não me lembro cujo túmulo foi. Não compreendi muito bem esta parte. No final, havia uma mensagem dizendo "estamos sozinhos". (Havia mais coisas, mas a pessoa que relatou não se lembra).

13- Survivor

Ayu subiu no palco principal enquanto estava sentada numa cadeira decorada. Vestia um quimono muito curto.

14. Until That Day...

Apenas a coreografia de costume, também com o mesmo figurino. 

Pessoalmente, foi minha canção favorita nas turnês anteriores, então posso continuar a dizer o mesmo desta.

Depois disso, começaram a mostrar queda de neve na tela principal.

15. Days

Ayu apareceu no palco principal com um vestido na altura do joelho. Parecia tão simples, mas muito bonita, e sua voz soou muito bem. Ela começou a caminhar para o centro do palco à medida em que ia cantando.

16. You were...

Um dançarino apareceu atrás de Ayu quando a música começou e eles fizeram a mesma coreografia de duas pessoas que não podem ficar juntas. Ayu também soou bem aqui e caminhou de volta para o palco principal novamente.

Depois disso, as luzes foram apagadas e um macaco apareceu no centro do palco. Dois outros artistas também apareceram e agiram como se quisessem pegar o macaco. Depois disso, a introdução de evolution se inicia apenas com arranjo de piano oriental. Ayu apareceu no centro do palco e começou a cantar.

17. evolution (MADE IN JAPAN ver.) ~ SURREAL

Esta versão da evolution é amor puro: Ayu começou a cantar o verso e o primeiro refrão de forma muito lenta durante a caminhada para o palco principal. Em seguida, as cortinas são abertas e os dançarinos aparecem na grande escadaria (usada na primeira parte) com tambores de Taiko. Acho que era o arranjo original do segundo verso de evolution para SURREAL, mas as batidas do Taiko são enfatizadas. Amei esta parte, tanto quanto amo o Taiko.

18. vogue (MADE IN JAPAN ver.)

Uma versão muito japonesa de vogue também, onde mostram muitas flores na tela principal durante a performance. Ayu parecia ótima. Todo o ato foi definitivamente impressionante, embora sinta que isso é meio fora do lugar, desde que a “parte da Primavera” tinha terminado.

19. You are the only one

Sinceramente, acho que foi a música que Ayu soou melhor em todo o concerto. Ayu cantou no palco principal. No segundo verso, os dançarinos apareceram com leques de penas. Mesmas produções antigas, mas a voz de Ayu estava realmente sublime.

Na parte final, começaram a gritar “obrigado!”, o que sinalizava o fim do show principal.

(Bis)

20. Mr. Darling

Ayu apareceu no palco principal. Estava vestindo a camisa da turnê projetada de forma diferente e uma calça jeans rasgada. O cabelo estava curto e simples, mas ela parecia muito bonita. Não gostei de sua voz aqui, porque estava exagerada para falar num tom “kawaii”. Simplesmente ri muito.

MC+ Aula de dança para Summer Love

Para a seção MC, Ayu disse que estava muito nervosa no primeiro dia, mas que se sentiu calma no segundo por saber o que podia fazer para melhorar ou o que necessitava ser feito com base no primeiro dia. 

Ela também chamou ZIN, que nos ensinou os gestos para a canção seguinte.

21. Summer Love

Tenho a impressão de que esta vai ser a nova  “You & Me”. Quer dizer, a nova aposta dos shows. A música foi muito divertida ao vivo e o público pareceu gostar.

22. Boys & Girls

Mesma coreografia, ainda fazendo o arremesso das bolas assinadas para o público. Definitivamente uma parte que o público adora lol.

Ayu usou essa parte para apresentar os membros da banda.

Quando a música terminou, começaram a mostrar mensagens na tela que diziam algo como "Nós estamos sozinhos e tudo o que precisamos é amor".

23. TODAY

Ayu estava meio emocional com a canção. Mostraram a letra da música na tela. Os vocais de Ayu estavam bons, apesar de sua emoção.

Ayu apresentou os dançarinos nesta última parte. 

Em seguida, as fitas de prata explodiram na Arena. Ayu começou a agradecer à medida em que as cortinas foram baixando.

As luzes foram sendo alteradas, mas o público ainda estava chamando por Ayu.

(Duplo bis)

24. MY ALL

De repente, a introdução de MY ALL começou.

Mesma coreografia e produção, mas confesso que é realmente uma grande escolha para terminar o show.


Fotos em grupo antes do show!


 Crédito: Hayasaki@ashforum, Aga-chan@ashforum, For"A" Ver Club@facebook, MadeInJapan-Ayu.